domingo, 14 de dezembro de 2014

Vagas para o PIBID 2015


No início do próximo ano, haverá seleção de bolsistas PIBID/2015 para dois projetos: 

✔ Língua Portuguesa (sob a coordenação da Professora Teresa Wachowicz)

✔ Literatura (sob a coordenação da Professora Renata Telles).

A previsão é de que o edital seja publicado na segunda quinzena de janeiro e de que a seleção aconteça na primeira quinzena de fevereiro.

Em breve essas informações estarão disponíveis aqui no Blog do CAL.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Biblioteca e direção setoriais: funcionamento durante as férias


SETOR DE CIÊNCIAS HUMANAS
BIBLIOTECA E DIREÇÃO SETORIAL

FUNCIONAMENTO DURANTE AS FÉRIAS

a partir de 15/12: Biblioteca funciona até as 17h00

de 19/12 a 31/01: Biblioteca fechada (recesso + inventário)

de 20/12 a 04/01: Direção fechada (recesso)

* Durante o período de fechamento para o inventário (05/01 a 31/12), a biblioteca atenderá em caráter excepcional às solicitações de empréstimos de estudantes de pós-graduação, encaminhadas por e-mail pelas secretárias de seus respectivos programas.

* Nos dias que antecedem o fechamento da biblioteca, será permitida a retirada de um número maior de livros por usuário do que o número regularmente permitido em condições de funcionamento normal, com entrega prevista apenas a partir da reabertura da biblioteca (01/02).

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Disciplina optativa: "Estudos Culturais II"


"Estudos Culturais II" está disponível para todas as habilitações e sem pré-requisito no primeiro semestre de 2015.

Sobre a disciplina:

Quando olhamos para um desenho de Escher, lemos um conto de Stephen King ou um poema do romantismo brasileiro, estudamos um graphic novel de Craig Thompson, assistimos ao último animê de Miyazaki ou a um filme argentino contemporâneo, costumamos ficar emocional e mentalmente envolvidos. Tanto os produtos da cultura de massa bem feitos quanto as obras de arte erudita têm a capacidade de ativar nossa imaginação. Obviamente, as linguagens são bem diferentes. Além disso, as formas e grau do envolvimento dos leitores/espectadores podem variar bastante. A partir da diferenciação básica entre língua e imagem vamos estudar, nesta disciplina, como o efeito da imersão é produzido.Tentaremos também entender melhor os conceitos de ficção e narração. Trabalharemos com os mais diversos exemplos de culturas e épocas históricas.

Professor: Klaus Eggensperger

Horário: terças-feiras, 18.30 - 21.30h

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Lançamento - Edição 28 do Jornal Boca do Inferno!

Venha pegar o seu exemplar (é de graça!). Você também vai poder bater um papo com os autores dos textos que compõem essa edição, além de poder trocar dois dedos (ou mais) de prosa com o corpo editorial do Jornal!


QUANDO? No dia 04 de dezembro (quinta feira), às 19hrs.

ONDE? No Café Teatro Toucher la Lune. (Endereço: Avenida Sete de Setembro, 2440, esquina com a R. Conselheiro Laurindo)



Evento: 





Aviso - Carteiras de Identificação Estudantil

Olá,

O Núcleo de Assuntos Acadêmicos (NAA) avisou que não está mais emitindo CARTEIRAS DE IDENTIFICAÇÃO ESTUDANTIL. Só retomará o atendimento para novas solicitações (1ª via, 2ª via, renovação), a partir da confirmação das matrículas de 2015, quando o sistema de emissão de carteirinhas será liberado.





Ana Paula Ocampos
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas nós NÃO!" 

Convênio com a Universidade de Grenoble 3

Olá!

Amanhã (2), encontro com a Professora Charlotte Dejean sobre convênio com a Universidade de Grenoble 3 - graduação, pós-graduação e cotutela de doutorado, às 18:30, na sala 1005B, Edifício D. Pedro I!



Ana Paula Ocampos
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas nós NÃO!" 

Oferta de disciplinas para o Primeiro Semestre de 2015

Olá,
Reproduzimos a oferta de disciplinas também aqui no blog para facilitar.




Mariana Paiva
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas nós NÃO!"

Conferência: Ficções e Ciências do Espaço

Olá,

Hoje à noite tem uma conferência sobre ficções e ciência do espaço com o Luis Alberto Brandão. No evento também haverá a oporunidade de comprar o seu livro "Teorias do Espaço Literário" que integra a lista de obras de referência para a seleção do PPG Letras.
.

Mariana Paiva
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas nós NÃO!"

Roda de Leitura com a escritora Marília Kubota

Olá!

Tem evento de Japonês essa semana.

"A Biblioteca Hideo Handa em parceria com a Fundação Cultural, tem o prazer de convidá-los para uma atividade literária:
Roda de leitura com a escritora Marília Kubota. Nesse evento vocês poderão ouvir poesias japonesas e bater um papo sobre o tema."

Que dia? 6 de Dezembro - Sábado
Que horas? Das 10h ao meio dia.
Onde? Na Praça do Japão - Biblioteca Hideo Handa.
Maiores informações pelo telefone 3244-7463 ou no local.


Mariana Paiva
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas nós NÃO!"

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

PEDIDO DE DISCIPLINAS OPTATIVAS!!!

Gente,

Está aberto o processo de pedido de disciplinas optativas para o próximo semestre (2015/1)

Está abaixo o modelo, é só preencher com o máximo de coleguinhas que puder e encaminhar entregar o formulário para algum membro da gestão do CAL.

Não sabe quem são os membros da gestão? clique aqui



Ricardo Peixoto
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas Nós Não!"

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

I Simpósio de Literatura Negra Ibero-Americana



Na semana da consciência negra – 17 a 21 de novembro – a UFPR recebe o I Simpósio de Literatura Negra Ibero-Americana. O objetivo é discutir a representação do negro na literatura, problematizando a questão do “negro escrito”, bem como a sua contribuição para a construção da identidade nacional. A partir de leituras de obras de escritores negros e afrodescendentes, serão discutidas questões relacionadas à valorização cultural das matrizes africanas, formadoras da diversidade latino-americana.

Organizado pelo Grupo de Pesquisa da UFPR Interfaces Literárias e Estudos Culturais: as Poéticas Afro-Latinas, o congresso contará com palestras de professores e pesquisadores nacionais, além de atividades culturais. A programação completa pode ser visualizada no site do evento.

André Luiz Cavanha
Gestão "O SCHWA é Neutro, mas nós NÃO!"

domingo, 26 de outubro de 2014

Oportunidade de Estágio para Letras

1ª vaga

SETOR DO ESTÁGIO: Gabinete da Presidência

ENDEREÇO: Tribunal de Contas do Estado do Paraná S/Nº

BAIRRO: Centro Cívico

CURSO: Letras - Português

HORÁRIO DO ESTÁGIO: 08:00hs às 12:30hs

Enviar Currículo : cape@tce.pr.gov.brcape@tce.pr.gov.br>

Nº DE VAGAS A SEREM ABERTAS: 01

Valor da bolsa-auxílio: R$ 883,00 e 02 auxílios transportes por dia

ATIVIDADES DO ESTÁGIO:

1. Redação de documentos Oficiais e Sociais
2. Revisão e correção de textos



Requisito:

. Amplo conhecimento das novas regras ortográficas e gramaticais



OBS.
Estar cursando 4º ao 8º período (2º ou 4º ano)



2ª vaga

SETOR DO ESTÁGIO: Gabinete da Presidência

ENDEREÇO: Tribunal de Contas do Estado do Paraná S/Nº

BAIRRO: Centro Cívico

CURSO: Letras - Português

HORÁRIO DO ESTÁGIO: 13:00hs às 17:30hs

Enviar Currículo : cape@tce.pr.gov.brcape@tce.pr.gov.br>

Nº DE VAGAS A SEREM ABERTAS: 01

Valor da bolsa-auxílio: 883,00 e 02 auxílios transportes por dia

ATIVIDADES DO ESTÁGIO:

1. Redação de documentos Oficiais e Sociais
2. Revisão e correção de textos



Requisito:

. Amplo conhecimento das novas regras ortográficas e gramaticais



OBS.
Estar cursando 4º ao 8º período (2º ou 4º ano)


Ricardo Peixoto

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Posse da Gestão "O SCHWA é Neutro, mas Nós Não!"

Centro Acadêmico de Letras da UFPR

ATA DE POSSE

Aos 20 dias do mês de outubro de 2014 realizou-se na sede do Centro Aadêmico de Letras da UFPR a posse da diretoria eleita para o período de 2014-2015. Estiveram presentes os membros da gestão 2013-2014 Bárbara de Paula Neves, Kessianne Mendes da Silva e Rodrigo Fiorese Braga. Também estavam presentes os membros da Chapa "O SCHWA é Neutro, mas Nós Não!" Ricardo Peixoto Pinto, Ana Paula Dias Torres Ocampos, Matheus Graff Mildemberg e Janaina Maria Carnim. A presidente do CAL, Bárbara de Paula Neves, declarou encerrado o período de sua gestão, e simbolicamente, entregou as chavves da sede do CAL para o novo presidente, Ricardo Peixoto Pinto. Em seguida, a ex-presidente convidou os presentes a ler esta ata de posse, que por ela foi lavrada, e será assinada por todos os presentes.

Assinam a ata todos os nomes citados na mesma.

sábado, 18 de outubro de 2014

Convocação de Assembleia e homologação das Eleições

Boa noite!

As eleições estão oficialmente encerradas. A Comissão Eleitoral já realizou a contagem de votos, sendo eles:
Votos a favor da chapa: 130
Votos "Branco": 31
Votos nulos: 5
Totalizando um montante de 166 votos.

Porém, o resultado final da referida eleição só será divulgado em Assembleia dos Estudantes de Letras, a ser realizada no dia 20 de Outubro de 2014, em razão da necessidade de conferência do percentual estatutário que determina a homologação da mesma.

Pela manhã a assembleia ocorrerá as 9:30, no anfiteatro 1100 (a confirmar).
No horário da noite, a assembleia será as 20:30, na sala 1111 (a confirmar).

Saudações dialógicas!
Bárbara de Paula Neves
Membro da Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!" e da Comissão Eleitoral.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

XVIII Congresso dos Estudantes da UFPR e Assembleia

Alô, alô, Beletristas!

 Entre os dias 17, 18 e 19 de Outubro teremos o XVIII Congresso dos Estudantes da UFPR e, como um dos cursos participantes, devemos selecionar até oito delegados para participar do evento. É imprescindível que nossos estudantes participem dos debates para construirmos juntos uma Universidade melhor para todos nós. A fim de decidir quem serão nossos escolhidos, teremos uma Assembleia na próxima sexta-feira, 17, em duas sessões: a da manhã, como de costume, a ser realizada às 9:30 e a noturna, especialmente, será realizada às 18:00, em razão do prazo máximo para indicação dos delegados e confecção das credenciais. Ambas as sessões se darão no anfiteatro 1000.

-Alunos que desejem participar como delegados devem comparecer à Assembleia ou, no caso de não ser possível a presença, enviar um e-mail manifestando seu interesse para cal.ufpr@gmail.com

-A Assembleia se dará às 9:30 e às 18:00 da sexta-feira 17/10/2014, no anfiteatro 1000.

Beijos de amor livre,
Rodrigo Braga
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Eventos do Polonês e Japonês

Boa noite, beletristas!

Olha lá, eventos do Polonês e do Japonês para essa semana:






Abraços dialógicos,

Bárbara Neves
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

Eleições do CAL e convocação para mesários

Oi oi oi, gnt!

Como vocês sabem, em breve teremos eleições para nosso querido CAL. Por isso, estaremos precisando de mesários, para os 5 (cinco) - isso mesmo, cinco! - dias de eleições, conforme disposto pelo nosso novíssimo estatuto. Haverá turnos de manhã e à noite, conforme escala feita pela comissão eleitoral com os participantes. As datas disponíveis vão de 13 a 17 de outubro e os interessados devem preencher este formulário aqui.
Lembrando que o CAL emitirá certificados de horas formativas para os mesários :)
Outro lembrete, agora para as chapas que vão se inscrever, é que a data limite para inscrição é dia 6/10 e aqui estão os arquivos para quem quiser se inscrever como chapa vertical ou chapa horizontal.

Abraços dialógicos!
Bárbara Neves
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!" e membro da atual comissão eleitoral

Convocação de Assembleia

Caros colegas,

com este post convoco a Assembleia Geral dos Estudantes de Letras para esta sexta-feira (26/09), em duas sessões: uma às 9h30 e outra às 20h em salas a serem divulgadas no quadro do corredor do décimo andar.

A pauta é única: gestão e financiamento do jornal Boca do Inferno.

Só para contextualizar o assunto. Neste ano, tive a experiência de trabalhar com um comitê editorial independente do CAL e acredito que os resultados foram excelentes, por um motivo muito simples: essas pessoas dedicavam-se exclusivamente ao jornal e podiam fazer isso com qualidade, enquanto membros da representação acadêmica já têm várias outros encargos e acabam dando pouca atenção ao Boca.

A minha proposta é que oficializemos essa independência do comitê nos seguintes termos: os editores veteranos que trabalharam comigo nas edições 27 e 28 (esta prevista para sair em novembro) estão dispostos a, no início do ano que vem, treinar e selecionar novos editores. Com isso se cria um mecanismo de transição fluida entre os comitês editoriais, evitando que o grupo mingue ou que se componha exclusivamente de indivíduos sem qualquer orientação ou experiência. Assim, o Boca passaria a funcionar em modelo semelhante ao de uma empresa júnior, com a diferença de que não disporia de renda própria.

Para compensar esse problema, junto com a proposta de independência do comitê editorial, sugiro que votemos a destinação da verba integral do CAL junto à PRAE (R$ 5 mil anuais) para a impressão do jornal, dado que em anos passados essa cota permaneceu intocada e acabava por retornar à Reitoria. Além disso, a situação financeira atual de nosso centro acadêmico é bastante positiva e, se as gestões futuras se empenharem em trabalhar na promoção de eventos lucrativos, é possível mantê-la assim. Neste novo contexto, claro que não seria vedado aos membros do CAL participarem do comitê editorial, a única mudança é que todos, sem distinção, precisariam passar pelo processo seletivo promovido pelos editores veteranos.

Em linhas gerais, esta é a minha proposta para garantir que haja um grupo de pessoas capacitadas e interessadas em manter o jornal. A finalidade desta Assembleia é apresentar mais detalhes dessa ideia, discuti-la, votá-la e, se for o caso, angariar novas sugestões para a manutenção do Boca do Inferno como um veículo relevante para o nosso curso.

Eu, como jornalista de formação e com experiência de mercado, fiz o possível para passar meus conhecimentos àqueles que trabalharam comigo, inclusive redigi um guia prático de como fazer o jornal que divulgo no blog do Boca (http://jornalbocadoinferno.blogspot.com.br). Meu desejo, agora que estou me afastando, é de que esse know-how continue a circular e a se refletir na qualidade do nosso jornal. Espero que aqueles que se interessarem pelo futuro do Boca possam comparecer à Assembleia desta sexta.

Atenciosamente,
Suelen Trevizan - membro da gestão Vem ni mim, Bakhtin!

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

CINE-CAL exibe: Sonhos

ATENÇÃO BELETRISTAS E AMANTES DO CINEMA!

Chegou a vez do japonês!
No próximo sábado, dia 20/09, às 14h, no Anfi 1100, será exibido o filme Sonhos (1990), de Akira Kurosawa.

A sessão vai contar com a presença da professora Lígia Negri para aquecer o debate.

O filme é baseado em sonhos verdadeiros que o cineasta Akira Kurosawa teve em momentos diferentes de sua vida. O filme é mais baseado em imagens do que no diálogo, e divide-se em oito histórias distintas, mas unidas pelo mesmo tema.

Trailer

Vejo vocês lá!

Saudações Cinéfilo-dialógicas
Guilherme Bernardes
Gestão Vem ni mim, Bakhtin!

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Programação CUltural XV Congresso da ALEG

De 8 a 12 de setembro em Curitiba acontecerá o XV Congresso da Associação Latino-americana de Estudos Germanísticos, que conta com uma excelente programação cultural paralela que será aberta ao público! Você pode acompanhar essa programação através do site: www.aleg2014curitiba.ufpr.br ou ainda através do aplicativo da Fundação Cultural de Curitiba. É só baixar e conferir a programação!





Saudações dialógicas,
Giovanna Schneider Ingles
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

Carta do estudante

Carta do graduando Aion Roloff ao coletivo dos estudantes de Letras e a atual gestão do Centro Acadêmico de Letras - Vem ni min Bakhtin

Esta carta aberta vai endereçada à graduação de Letras, com o objetivo de ser lida na assembleia geral dos estudantes de Letras do dia 3 de Setembro de 2014, e vai assinada pelo aluno Aion Roloff (GRR20127595), aluno do sexto período da graduação em Letras, com o objetivo de promover uma reflexão sobre os posicionamentos políticos dentro do curso.
Ingressei nessa graduação no ano de 2012, e quando cheguei, de pronto notei um distanciamento - seja por parte dos meus colegas ou dos meus veteranos - com a nossa representação estudantil, o CAL - Centro Acadêmico de Letras, a única coisa que eu tive contato naquele inicio (não participei do trote) foram algumas palestras em que a galera que estava na gestão se apresentou e explicou o que era o CAL e como ele funcionava. Basicamente foi isso.
O que vi ao longo do semestre subsequente foi uma ausência de representação estudantil, reuniões existiam, mas não eram divulgadas, conversávamos (nós, os calouros da época) manifestando o interesse em ter mochilas do curso, mas não obtivemos resultados, tanto que a minha turma de calouros do espanhol se organizou de maneira independente e acabou encomendando uma mochila do curso. Não é minha intenção apontar o dedo à ninguém, mesmo aquela gestão presente em 2012, esteve de algum modo se fazendo ouvir e aparecendo.
No ano seguinte, as coisas pioraram um pouquinho, uma nova gestão do CAL assumiu (com uma eleição de pasmem, algo por volta de 65 votantes, confesso não me recordar dos números oficiais), e essa gestão acabou intensificando ainda mais a ausência de representação estudantil dentro do curso. Conforme ouvi do professor Caetano - que inclusive relata na atual edição do Boca do Inferno - que passou por uma situação parecida em sua graduação.
A intensificação da ausência de representação se deu de tal maneira, que em certo ponto (também, não me lembro muito bem quando) aquela gestão do CA precisou declarar vacância de seus cargos (visto que o estatuto hierárquico, não permitia que quem estivesse em cargos menores como coordenações, ascendesse à cargos superiores, como a presidência), ou seja, seja por falta de engajamento, seja por qualquer outra razão, aquela gestão acabou enfrentando problemas, a ponto de que acabou por se desfazer. Levamos 3 meses nisso, até a situação toda se esclarecer, e finalmente uma nova gestão tentar resolver o que estava acontecendo.
De novo friso que não quero apontar o dedo pra ninguém, todos nós enfrentamos problemas, e conciliar uma graduação e uma representação estudantil, não me parece nem um pouco fácil. O fato é, que naquele imbróglio todo, o curso de Letras pedia uma representação estudantil, os nossos departamentos o DELEM e o DELIN estavam prestes a se separar, e a graduação simplesmente não pode nem opinar a respeito, devido a ausência do CAL, ou de assembleias gerais que pelo menos discutissem todas essas coisas.
Antes da atual gestão assumir o CA, tivemos uma gestão "tapa-buraco" que preparou o terreno para as coisas que se seguiram. A Vem ni mim Bakthin assumiu - mesmo sem o quorum minimo previsto no estatuto, no entanto a assembleia geral - orgão máximo dentro da representação estudantil do CAL, conforme também prevê o estatuto - acabou por aprovar a eleição, tornando legitima a presença da atual gestão no CA. O que se seguiu, foi o oposto do que eu vi no meu tempo do calouro, é claro que atual gestão fez coisas erradas? Óbvio que sim, por favor, seria ingenuidade da minha parte - ou de qualquer pessoa - pensar o contrário, no entanto, a gestão comprou as brigas, e o que eu vi foi uma gestão que tentou se engajar, e fez coisas relevantes ao curso, tornou o CRHE (do qual eu faço parte) uma realidade, tão grande, que hoje ele vem se organizando de maneira independente, tivemos a primeira festa de Letras no DCE, em pelo menos dois anos (desde que eu entrei, foi a primeira) em que conseguimos uma boa arrecadação de verba para um centro acadêmico que não a tinha, a gestão também esteve presente no movimento o Pátio é nosso e
conseguiu reativar o jornal Boca do Inferno, que devido a tudo que aconteceu acabou por não ser publicado, além disso tudo, a atual gestão - junto com todo o resto do curso, através de pelo menos três assembleias gerais promoveu a reformulação do estatuto do CAL, uma grande vitória, essa sim fazendo uma grande diferença no futuro desta graduação.
Eu que estive acompanhando tudo desde que a chapa assumiu, também por vezes cobrei diversas coisas deles, e sempre fui bem recebido. As reuniões da gestão que eu julgava serem a portas fechadas acabaram por ser abertas, e conforme eles prometiam na campanha, tudo era resolvido na esfera do diálogo, nada mais natural considerando que a gestão adotou o nome do teórico Bakthin, e quem me conhece sabe que eu sou um grande entusiasta do diálogo. Entre erros e acertos, a atual gestão surpreendeu até mesmo os professores, que ficaram em sua maioria felizes em ver o poder da representação estudantil.
Encerro essa carta, não só elogiando o posicionamento da atual gestão, mas esperando que num futuro (nem tão distante) eu possa observar que os estudantes de Letras, se interessam sim por politica e que nós temos sim que nos posicionar frente àquilo que acaba por nos afetar dentro ou fora da universidade. Termino essa carta, elogiando a gestão, que conseguiu fazer o CAL ser visto, algo que parecia não vir acontecendo em gestões anteriores. Gostaria de aproveitar para lembrar de uma frase que vi no facebook: "Para apontar erros, sobra mãos, na hora de fazer cadê essas mãos?" É interessante notar que essas mãos existiram durante um ano inteiro e como sou otimista, torço para que elas continuem existindo, afinal o CAL é composto sim por uma diretoria, mas não devemos esquecer que ele - conforme o próprio estatuto declara - é composto por todos os alunos de Letras regularmente matriculados na graduação. Justamente por isso, devemos sempre esquecer os problemas pessoais entre um e outro, focar que estamos todos no mesmo barco e de certa maneira temos os mesmos interesses. O CAL somos todos nós.

Saudações,
Aion Roloff.

Esclarecimentos pedidos

Alô, alô, beletristas! Manifestamo-nos aqui em resposta à carta que nos foi entregue durante a sessão matutina da Assembleia dos Estudantes de Letras do dias três de setembro de 2014. Apresentamos aqui o texto original da carta entregue à mesa pela discente Carolini Arcari.

Nota de Pedido de Esclarecimento à Gestão do CAL “Vem ni mim, Bakhtin”

Nós estudantes do Curso de Letras, gostaríamos de solicitar um esclarecimento e posterior posicionamento à atual gestão do CAL sobre os recentes acontecimentos em torno da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH).
Tendo em vista que a privatização do HC – maior hospital público do Paraná – acarreta em consequências prejudiciais não somente para a comunidade acadêmica, senão para toda população do estado. Também frente aos recentes acontecimentos da última semana nos quais a atual gestão do CA tem se mostrado omissa, a saber:
  1. O não comparecimento da gestão do CAL na reunião dos CAs de Humanas que levaria a posição da bancada estudantil ao Conselho Setorial de Ciências Humanas. Sabendo que o posicionamento já havia sido tirado em assembleia de curso – nossa posição foi contrária!
  2. O fato de não ter assinado a carta ao Setorial de Ciências Humanas escrita pelos CAs do setor que em todo o seu teor contempla a posição da assembleia de estudantes de Letras da UFPR.
  3. O fato de o membro representante do CAL ter intervido junto à secretaria do Conselho Setorial de Humanas, pedindo que os representantes do DCE (que se encontravam ali para manifestar posição contrária à EBSERH – a mesma que nossa assembleia defende) se retirassem da sessão.
  4. Não participarem do ato do dia 28/08, dia em que estudantes, trabalhadores e professores estavam em luta unificada para defender a saúde pública e a não privatização do nosso HC. Tampouco incitaram debates ou divulgaram informações sobre o tema de modo que os estudantes de letras estivessem atualizados e esclarecidos.
Portanto, solicitamos que, em meios de comunicação oficiais do CAL, a atual gestão esclareça os motivos de tantas omissões dentro de suas atribuições como representates dos estudantes de letras.”

A carta não está assinada nem identificada de qualquer modo, porém, mesmo sem ter a confirmação de que se trata de um manifesto de estudantes do nosso curso, esclarecemos os fatos de nosso ponto de vista.

  1. A referida reunião foi marcada com um dos membros do CAL através do Facebook, tendo a data sido estabelecida no dia 24 de agosto, um domingo, com reunião a ser realizada no dia 25, segunda-feira, imediatamente na sequência. Mesmo com essa dificuldade, houve mobilização da parte do Centro Acadêmico para participar da reunião no horário marcado mas esta não aconteceu. A reunião só se deu duas horas depois. Secundariamente, é importante ressaltar que este Centro Acadêmico já fez diversos esforços para reunir-se com os outros CAs do Setor de Humanas a fim de estabelecer a representação no Conselho, porém todas as tentativas foram frustradas pelo desinteresse destes, que aliás não participam das reuniões setoriais. Ressalte-se aqui que o texto da nota fala em uma “posição da bancada estudantil” e que nós, da gestão “Vem ni mim, Bakhtin!” não compactuamos com bancadas ou quaisquer formações de uniformizações de ideologia. Mikhail Bakhtin deixou-nos em sua obra que nenhum texto é composto por uma voz sozinha. Somos vozes e falamos coisas diferentes, não somos um corpo estudantil com uma só cabeça. Para além, já tendo sido estabelecida a posição dos alunos de Letras e já tendo eles um representante ativo da referida plenária, a reunião não adicionaria nada para a efetiva representatividade dos alunos de Letras.
  2. A referida carta foi redigida na reunião do tópico anterior, sem a presença de representantes do CAL. Além disso, a redação não foi discutida com a Direção do Centro Acadêmico, muito menos com os alunos. Colocamos a necessidade dessa discussão por conta do tom assumido na carta: não se tratava de uma proposta defendida, mas de uma vociferação de consequências e culpas antecipadas. A não participação regular dos outros CAs nas reuniões faz com que o restante dos conselheiros duvide da capacidade da representação estudantil, e isso só é agravado por uma declaração que não se propõe a dialogar com o Conselho, mas induzi-lo a escolher um lado. Ilustro minha afirmativa com a passagem a seguir:
    “Este setor e seus conselheiros, caso não reavaliem a forma como o debate está sendo posto, e se porventura aprovarem a adesão a tal Empresa, estarão reafirmando a ilegitimidade desse espaço e jogando a pá de cal na autonomia universitária, abaixando a cabeça como leais servos daquilo que há de mais perverso, que é a submissão dos serviços públicos aos interesses de grandes grupos empresariais, como os planos de saúde e provedores de equipamentos e materiais hospitalares.
    Diante de tal contexto, somos obrigados a alarmar de que se insistirem nessa nefasta medida, estarão manchando seus mandatos como conselheiros, se colocando no lixo da História, isto é, no lugar de algozes da população, dos entreguistas.”
    Temos que lembrar que, por mais que estejam sendo feitas diversas manobras anti-democráticas no processo de implementação da EBSERH, nós não devemos deixar nossa integridade e nossos princípios em favor de uma luta. Não somos guerreiros selvagens que pegam em espadas, somos pensadores humanistas e, no máximo, administradores.
  3. O Conselho Setorial funciona atendendo a normativas da Universidade. A referida sessão estava sendo realizada em regime fechado, com possibilidade de convidados da mesa. A presença dos alunos Ricardo Peixoto e Lawrence Estivalet não estava prevista para nenhum dos conselheiros e portanto qualquer um ali poderia se negar a participar da sessão por esse motivo. A sessão poderia, inclusive, ser invalidada e a discussão feita na plenária anterior seria inútil, uma vez que não haveria uma posição definida para o SCH levar ao Conselho Universitário. Dito isso, é importante deixar claro que a colocação “o fato do membro representante do CAL ter intervido junto à secretaria do Conselho Setorial de Humanas, pedindo que os representantes do DCE (…) se retirassem da sessão.” se trata de uma acusação falsa: não houve intervenção por parte do membro do CAL junto à secretaria do SCH, mas sim o contrário. O conselheiro pediu aos membros do DCE que se retirassem após um pedido da secretaria. Antecipando o argumento da representatividade do DCE, é importante citar aqui que o DCE havia sido convidado pela Direção do Setor de Ciências Humanas para participar da plenária anterior, porém nenhum membro deste se fez presente. Além disso, o CAL lutar pela presença dos membros do DCE ali sem as devidas formalidades representaria uma oposição aos métodos da Direção do SCH, que é valida como postura política, porém APENAS se aprovada pelos alunos que o CAL representa. A maneira como temos nos posicionado com relação ao processo de implementação da EBSERH é a maneira que nos é inerentemente autorizada pelos alunos: a conformidade com os processos da Universidade que são pautados em democracia. Nossa reiterada participação em todas as instâncias administrativas referentes ao curso e a implementação de um CRHE ativo demonstra nosso compromisso com a representação dos alunos de Letras e seus interesses. A posição manifesta em Assembleia foi afirmada pelo voto do conselheiro apontado pelo CAL em favor da manutenção da resolução do COUN que não autorizava a adesão à EBSERH. Em nenhum momento o CAL deixou de ser fiel a esta decisão.
  4. Mais uma vez, as maneiras de se lutar pelos interesses dos estudantes não se restringe ao modus operandi do DCE. Essa gestão não pretende barrar processos democráticos, uma vez que nosso princípio é o diálogo. Diálogo este que fizemos com os alunos na Assembleia de Letras que definiu a posição do Centro Acadêmico em relação à EBSERH e fomos firmes a ele. A participação no ato da dia 28/08, porém, seria válida e teria acontecido se os alunos tivessem se manifestado em favor, mas não havendo a iniciativa está fora de nossa alçada declarar apoio a manobras arriscadas e consideradas agressivas por muitos. É importante lembrar que um de nossos professores, o atual vice-coordenador de nosso curso, foi agredido verbalmente neste ato. Compactuar com toda a demonstração de violência seria compactuar com a agressão cometida a nosso professor (agressão esta que foi lamentada no conselho setorial de Humanas da semana seguinte, sem a participação de qualquer um dos representantes discentes que estavam no conselho anterior além do representante do CAL). Mais além, debates com os estudantes foram incitados pelo CAL com o projeto “Com Todas as Letras” iniciado em 2014. O projeto foi abandonado pois o primeiro encontro – com o tema EBSERH – não teve qualquer participante.

Há de se deixar bem claro que quando os interesses do DCE e de nosso alunos estiverem alinhados, daremos nosso total apoio. Porém, é para os alunos de Letras que fazemos nossa gestão, não para o DCE ou para os outros Centros Acadêmicos.

Saudações polifônicas,
Rodrigo Fiorese Braga - assíduo conselheiro do CAL junto ao Setor de Ciências Humanas
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

CINE-CAL exibe: Entre os Muros da Escola



ATENÇÃO, BELESTRISTAS E AMANTES DO CINEMA!

No próximo sábado, 06/09 daremos continuidade ao CINE-CAL, dessa vez com um filme francês.
Entretanto, não somente, já que o tem pode interessar bastante àqueles que são da licenciatura.

O filme é Entre os Muros da Escola (2008), de Laurent Cantet. O filme conta a história de François Marin, que trabalha como professor de língua francesa em uma escola de ensino médio, localizada na periferia de Paris. Ele e seus colegas de ensino buscam apoio mútuo na difícil tarefa de fazer com que os alunos aprendam algo ao longo do ano letivo. François busca estimular seus alunos, mas o descaso e a falta de educação são grandes complicadores.

TRAILER AQUI

E não acaba aí!
A professora Sandra Stroparo, da literatura brasileira, vai estar presente e participará do debate logo após à exibição.

Então é isso: sábado 06/09, às 14h, no anfi 1100, mais um CINE-CAL!

Nos vemos lá!

Saudações cinéfilo-dialógicas
Guilherme Bernardes
Gestão Vem ni mim, Bakhtin!

terça-feira, 2 de setembro de 2014

"XV Congresso Latino-americano de Germanistas" e"Festival Tacuchian 75 em Curitiba"

Oi, gente!
Nessa e na próxima semana estarão acontecendo grandes eventos culturais realizados pela UFPR. Para os interessados em arte e em Alemão, seguem as programações dos eventos:




(Programação do XV Congresso Latino-americano de Germanistas:
http://www.aleg2014curitiba.ufpr.br/site/pt/programm/kulturprogramm/)

Abraços dialógicos!
Bárbara Neves - Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

Projetos de Extensão ofertados pelo NAP

Boa noite, beletristas!

O NAP está ofertando alguns cursos de extensão, vale a pena a conferida:

OFICINA DE EXTENSÃO:  PRÁTICA EXPLORATÓRIA: QUESTIONANDO NOSSAS VIDAS EM SALA DE AULA
 Datas: 22 de setembro de 2014
Horário: 14h30 às 16h00
Vagas: 30 – preferência para professores de inglês da rede pública e licenciandos em inglês
Local: NAP – UFPR, Rua General Carneiro, 460, 7º. Andar
Ministrante: Profa. Dra.  Inés Miller (PUC-Rio)
Inscrições gratuitas na secretaria do NAP
Mais informações:  nap.ufpr@gmail.com

OFICINA DE EXTENSÃO: CRITICAL LANGUAGE TEACHING (ministrada em inglês)
Datas: 24, 26 e 28 de novembro de 2014
Horário: 14h30 às 17h30
Vagas: 30 – preferência para professores de inglês da rede pública e licenciandos em inglês
Local: NAP – UFPR, Rua General Carneiro, 460, 7º. Andar
Ministrante: Prof. Dr. Brian Morgan (Universidade de York, Toronto, Canadá)
Inscrições gratuitas na secretaria do NAP
Período de inscrição: 20 outubro a 10 de novembro de 2014
Mais informações: nap.ufpr@gmail.com

DISCIPLINA DE PÓS-GRADUAÇÃO ABERTA: CRITICAL LANGUAGE TEACHING
Período: 17 a 22 de novembro de 2014 (das 14h30 às 17h30)  
Vagas: 20 - preferência para alunos do programa de pós-graduação em Letras da UFPR, seguidos de alunos de pós-graduação de outras instituiçoes e público em geral
Local: Pós-Graduação em Letras – UFPR, Rua General Carneiro, 460, 10º. Andar
Ministrante: Prof. Dr. Brian Morgan (Universidade de York, Toronto, Canadá)
Inscrições gratuitas (secretaria da Pós-Graduação em Letras)
Período de inscrição: 20 outubro a 10 de novembro de 2014

Abraços dialógicos,
Bárbara Neves - Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Oportunidade de intercâmbio remunerado

Olá, beletristas!

Pros interessados em intercâmbio, a AIESEC está com grandes descontos nos programas de intercâmbio remunerado na área de ensino! Bora dar uma olhada no evento e checar as possibilidades:

https://www.facebook.com/events/583589931753223/

Abraços dialógicos,
Bárbara Neves - Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

CINE-CAL exibe: O Enigma de Kaspar Hauser

ATENÇÃO, BELETRISTAS E AMANTES DO CINEMA!

Vocês votaram e está eleito!

No próximo sábado, 23/08, às 14h no ANFI 1100 a edição alemã do CINE-CAL exibirá o filme O Enigma de Kaspar Hauser (1974), de Werner Herzog.

Nos vemos lá!

Saudações cinefilo-dialógicas
Guilherme Bernardes
Gestão Vem ni mim, Bakhtin!

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Assembleia Geral dos Estudantes de Letras

Alô, alô, Beletristas!

 Estamos chegando ao fim de mais uma gestão de nosso amado Centro Acadêmico de Letras, e, como se deve, realizaremos no dia 3 de setembro a Assembleia Geral na qual discutiremos o processo eleitoral para a sucessão de gestão. Sendo assim, estão abertas a partir de agora as inscrições para a Comissão Eleitoral. Todos os alunos que estiverem interessados em participar da Comissão devem enviar um e-mail para cal.ufpr@gmail.com com Nome, Habilitação/Ênfase e GRR. Na Assembleia será decidida a metodologia do processo e serão eleitos os representantes da Comissão.

 Para além, a atual gestão apresentará as contas e discutirá o gasto do dinheiro para o encerramento.

Quarta, dia 3 de setembro de 2014, às 9:30 no anfiteatro 1100 e às 20:30 na sala 608 do edifício Dom Pedro II.

 É muito importante a participação de todos!

Beijos de amor livre,
Rodrigo Braga
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Oportunidade de curso de extensão

SELECIONAM-SE ALUNOS DE LETRAS PARA MINISTRAR AULAS EM CURSOS DE EXTENSÃO COM CERTIFICAÇÃO

- CURSO 1:  "Estudo dirigido das obras literárias indicadas no vestibular" (10 vagas)
- CURSO 2: "Produção de texto para o vestibular" (4 vagas)
As aulas serão preparadas em equipe com orientação.

Coordenadora: profa. Sandra Eleine Romais Leonardi
Contato: sandra.eleine@ufpr.br / (41) 8809-9432


Quem tiver interesse, entrar em contato com a profa. Sandra até 20 de agosto.

CINE-CAL ALEMÃO!

ATENÇÃO, BELETRISTAS E AMANTES DO CINEMA!

O semestre começou e está na hora do CINE-CAL voltar!

E mesmo que não tenha nada a ver com a copa, o idioma dessa edição será o alemão!

Como de costume, serão três opções pra serem votadas até quarta e no sábado será a exibição.

No mesmo lugar, sala 613, no sexto andar. Na mesma hora, às 14h.

Então é isso: sábado, dia 23/08, CINE-CAL em alemão com a escolha de vocês!

As opções:

O Enigma de Kaspar Hauser (1974), de Werner Herzog -- Um homem jovem chamado Kaspar Hauser aparece de repente na cidade de Nuremberg em 1828, e mal consegue falar ou andar, além de portar um estranho bilhete. Logo é descoberto que sua aparição misteriosa se deve ao fato de que ele ficou trancado toda sua vida em um cativeiro, desconhecendo toda a existência exterior. Quando ele é solto nas ruas sem motivo, muitas pessoas decidem ajudá-lo a se integrar na sociedade, mas rapidamente Kaspar se transforma em uma atração popular.

http://youtu.be/nRWtvT7vzFc

Violência Gratuita (1997), de Michael Haneke -- Uma família de classe média alta vai passar as férias em sua casa à beira de um lago. Chegando lá, um garoto gordinho e educado bate à porta para pedir um ovo. Logo se junta a ele um rapaz magrelo e que aparenta ser ainda mais polido com as palavras e gestos. Sem se preocupar, a esposa e mãe Anna deixa os dois adolescentes entrarem na casa, acreditando que são amigos da família ao lado. Uma vez lá dentro, eles começam a praticar violência gratuita com Anna, o marido e também com o filho do casal.

http://youtu.be/tkbG1uSH0to

Asas do Desejo (1987), de Wim Wenders -- Na Berlim pós-guerra, Damiel e Cassiel são anjos que perabulam pela cidade. Invisíveis aos mortais, eles lêem seus pensamentos e tentam confortar a solidão e a depressão das almas que encontram. Entretanto, um dos anjos, ao se apaixonar por uma trapezista, deseja se tornar um humano e experimentar as dores e alegrias de cada dia.

http://youtu.be/Ic8iGIdv80o

VOTE AQUI!

Saudações cinefilo-dialógicas
Guilherme Bernardes
Gestão Vem ni mim, Bakhtin!

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Projeto de extensão: Mídia, espaço público e educação

Atenção para o projeto de extensão!

"Estaremos retomando nossos encontros a partir da próxima sexta-feira, dia 15 de agosto, às 14hs, na sala 1009 do Ed.D.Pedro I, no conjunto da Reitoria.

Nas reuniões, colocamos em discussão temas em circulação no EP (espaço público), analisamos suas repercussões nas redes sociais e interpretamos seus sentidos possíveis. Em seguida, consideramos os possíveis aproveitamentos educacionais que podem ser obtidos com a veiculação desses temas e discussões em disciplinas do ensino médio e fundamental.

O projeto está recebendo a adesão de participantes regulares. A participação no projeto é certificada pela UFPR e válida como atividade formativa complementar, desde que realizada durante todo um semestre letivo.

A presença e participação nos encontros é aberta e não depende de comunicação prévia. As reuniões acontecem às sextas-feiras, duas vezes por mês. Quem quiser entrar na lista para receber as pautas e o material dos encontros, que são enviados dois dias antes deles, ou para qualquer outra informação, me escreva no email:

Bruno Dallari
Departamento de Linguística
UFPR"

Saudações dialógicas,
Bárbara Neves
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

Lançamento da tradução: Elegias de Sexto

Olá, alô, amantes de poesia clássica!

Neste sábado haverá o lançamento do livro "Elegias de Sexto Propércio", com poemas traduzidos e organizados por Guilherme Gontijo Flores. O local do lançamento é a Livraria do Chain;

Informações completas:


Saudações dialógicas!
Bárbara Neves
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Projeto TALK

Hello there, pessoas do Inglês!

A AIESEC, em parceria com o Centro Academico de Letras, está abrindo inscrições para a terceira edição do projeto TALK! Pra quem não conhece, o objetivo do projeto é criar um ambiente de conversação em Inglês, promovendo um espaço para discussões sobre temas relevantes para a formação de um pensamento crítico. Em suma: teremos debates sobre assuntos interessantes e, de quebra, vamos praticar o Inglês!
O curso é ministrado pelos intercambistas da AIESEC, vindos de vários países. A duração do curso é em torno de 6 semanas, com duas reuniões semanais de 1h30m, e, ao fim do período, será emitido um certificado para quem compareceu em pelo menos 75% dos encontros.

Na terça que vem, dia 12/08, vai haver uma reunião piloto pra vocês sentirem como é o projeto. Vamos nos encontrar no espaço físico do CAL as 14h, no décimo andar.
Interessados, please, entrem em contato com o CAL, pelo e-mail cal.ufpr@gmail.com, com o título do email como "Projeto Talk". E divulguem pros amiguinhos!

Dialogic hugs!
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"
Bárbara de Paula Neves

Novo edital para PIBID Língua Portuguesa!

Alô, alô!

Estão abertas as inscrições para o PIBID Língua Portuguesa, que vão de 06 a 20 de agosto. Aos interessados, prestem atenção à documentação e aos prazos!
Para informações na íntegra, deem uma olhadinha no edital: 




Saudações Dialógicas!
Bárbara de Paula Neves
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

Encontro sobre o Ensino de Literatura Africana de Língua Portuguesa

Olá, beletristas!

Nos próximos dias 15 e 16 haverá o Encontro sobre o Ensino de Literatura Africana de Língua Portuguesa, que será composto de duas partes: o minicurso Ensino de Literatura Africana de Língua Portuguesa, abordando a literatura de Moçambique, e a palestra Literaturas Africanas em sala de aula: pressupostos e desafios nas práticas pedagógicas.


As inscrições devem ser feitas através deste link:

https://docs.google.com/forms/d/1JmdrfjOneoNmwBNyDHptOjyY4a4vvF9GgjSUVjM_SyY/viewform?c=0&w=1

Informações sobre ensalamento e horários na imagem que segue.


Abraços dialógicos!

Bárbara de Paula Neves
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"






Projeto "Literatura infantil de língua alemã em tradução brasileira"

Atenção!
Para os interessados em mediação de leitura e também uma ótima oportunidade para quem precisa de horas formativas.



Saudações dialógicas
Giovanna Schneider Ingles
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

terça-feira, 5 de agosto de 2014

Feira de Cursos e Profissões - 2014

Alô, alô, beletristas!

 Entre os dias 22 e 24 teremos a edição 12ª Feira de Cursos e Profissões da UFPR e, como de costume, alunos e ex-alunos da graduação estão convidados a participar como monitores falando sobre sua experiência no curso. É desejável que tenhamos alunos de todos os períodos e habilitações para compôr o stand, então não há restrições. Voluntários receberão certificação de horas formativas entre 5 e 10 horas, correspondentes a um ou dois turnos de monitoria, respectivamente. Para se inscrever, clique aqui.

Beijos de amor livre,
Rodrigo Braga
Gestão "Vem ni mim, Bakhtin!"

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Chamada para edição 28 do jornal Boca do Inferno

Enquanto o número 27 passa pelos últimos retoques na diagramação, os editores do jornal estão cheios de vontade de agilizar a próxima edição. Por isso, comunicamos que, a partir de hoje e até o dia 13 de agosto, estamos recebendo novos textos.

O esquema continua o mesmo. Vale todo tipo de produção: texto ou imagem; em prosa ou em verso; de cunho acadêmico ou artístico etc. etc. etc. Podem participar quaisquer pessoas envolvidas com o curso de Letras da UFPR: alunos, ex-alunos, professores, colegas de área ou de campus, enfim, todos aqueles que queiram expor algum trabalho que seja pertinente ao nosso curso.

Aqueles que não tiveram seus textos aceitos na chamada anterior podem concorrer novamente sem restrições. Não há delimitações com relação a gênero, estilo e ideologia, mas, pela nossa experiência recente de edição, vimos que alguns textos têm mais chance de serem aceitos do que outros. Para facilitar a vida dos nossos potenciais colaboradores, seguem algumas dicas.

Critérios essenciais para um bom texto são a clareza, a criatividade e a solidez da argumentação. Gostamos também, embora não seja obrigatório, de humor, polêmica, olhares sensíveis, formas intrigantes e todas essas qualidades que nos fazem ler um texto de cabo a rabo. Por outro lado, textos muito obscuros, truncados e mal fundamentados têm menos chances de aprovação. O mesmo vale para textos muito longos, sobretudo aqueles acima de 10 mil caracteres, que demandam muitas páginas do jornal. É importante esclarecer também que o processo de edição envolve muita subjetividade e, para evitar arbitrariedades, cada texto será avaliado num sistema cego por, no mínimo, dois editores.

Uma possibilidade distinta de participação é para colaboradores gráficos. Quem não quiser submeter trabalhos prontos neste primeiro momento pode enviar um portfolio manifestando interesse em colaborar a curto e médio prazo. Esses artistas entrarão para o banco de talentos do jornal e, ao longo do processo de edição, serão convidados para produzirem trabalhos sob encomenda e, dependendo do interesse e da disponibilidade deles, participarem das reuniões do comitê editorial.

Vale repetir que o prazo máximo para enviar trabalhos é o dia 13 de agosto de 2014, quarta-feira. Interessados devem escrever um e-mail para jornalbocadoinferno@gmail.com com o arquivo anexado em formato .doc, .docx (se for texto) ou .jpeg (se for imagem) e a expressão “EDIÇÃO 28” explicitada no assunto. Pedimos que não se identifique a autoria no arquivo, apenas no corpo da mensagem. Aqueles que tiverem seus trabalhos aprovados receberão um retorno dos editores com o feedback do texto e sugestões para o preparo da versão final.

Quaisquer dúvidas devem ser encaminhadas ao e-mail do jornal (jornalbocadoinferno) ou à nossa página do Facebook (Jornal Boca do Inferno) e serão respondidas o mais breve possível.

Um abraço,
Suelen Trevizan – membro do CAL e editora-chefe do Boca do Inferno